Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2013

Entrevista à In Dancing Shoes

http://www.indancingshoes.com/2013/09/a-conversa-comsara-naadirah-e-o-que-o.html

À Conversa com...Sara Naadirah "É o que o meu trabalho é: Precioso e uma Escolha Rara!"
Sara Naadirah nasceu em 1979 em Portugal e desde cedo teve contacto com a dança, frequentando aulas de ballet. Foi aí, na academia onde tinha aulas de ballet, que Sara se sentiu atraída por uma melodia diferente... a música árabe! E assim o ballet foi trocado pela dança oriental.

Sara Naadirah, este nome surgiu como?
Quando comecei a minha carreira como bailarina profissional, senti a necessidade de ter um nome artístico que refletisse a minha dança. Assim, escolhi Naadirah (Sara é o meu nome verdadeiro).

O que significa Naadirah?
Significa Preciosa ou Escolha Rara. É o que o meu trabalho é: precioso e é uma escolha de vida rara.

Do ballet para a dança oriental...era uma mudança inevitável?
Curiosamente não foi a dança oriental que me chamou primeiro a atenção mas a musica árabe. Foi por esta que me apaixonei primei…

Dez anos, dez ciclos

Foi há precisamente 10 anos que comecei a actuar e a ensinar, aquela que viria a ser a paixão da minha vida: Dança Oriental. Dez anos... dez ciclos... que dariam dez livros, dez lições de vida, dez intensas experiencias que não trocaria por nada. Há dez anos atrás, contra tudo e todos (literalmente), extremamente ingenua mas com uma força que desconhecia, decidia: QUERO FAZER AQUILO QUE GOSTO.

E fiz. Decidi agarrar a minha vida, tomar e responsabilizar-me pelas minhas opções, sempre como guia o meu coração e a minha intuição.  Claro, que não foi o caminho mais obvio e esperado. Ser feliz requer coragem e personalidade. Foram sim dez anos duros, dez ciclos sem rede e dez amadurecimentos. Ser bailarina (por vocação e não por vaidade) é isto... foram dez danças viscerais, dez improvisações profundas, dez mortes e dez renascimentos.

Depois de umas férias... que diria que foram... desintoxicantes, finalmente, consegui acordar de um estado de zombie que me encontrava. Recuperei o meu objectivo, r…